Pulo para a morte, pulo para a vida

Você, enfim, vai poder fazer o que tanto queria, pular. Você vai pular muito. Pular sem parar. Resta saber apenas uma coisa: se você vai pular para a morte ou se você vai pular para a vida.

Pela sua cara, você não sabe o que é pular para a vida e pular para a morte, não é mesmo? Fica sussa. Vou tentar dizer para você do que se trata. Primeiro, pula para a morte, quem pula na carne.

Carne nada mais é do que a parte maldita, a pulsão negativa, a velha natureza que está dentro de todo mundo que vive nesse mundão de Deus. Está dito em certo lugar da Bíblia, que nela, na carne, não existe nada de belo nem de vida.

A carne vive o tempo todo de treta com a vida e de graça com a morte. Ela odeia a vida (e, claro, o autor da vida, Deus) e ama a morte (e, claro, o autor da morte, diabo). Assim, quem pula para a carne, pula para a morte.

Segundo, pula para a vida, quem pula no Espírito. Enquanto a carne vive de mal com a vida e de bem com a morte, o Espírito vive de mal com a morte e de bem com a vida.

Onde há Espírito, aí há vida. A Bíblia mostra isso de cabo a rabo. Não é a toa que o sobrenome dele é Espírito de vida. Quem pula no Espírito, como está dito em certo lugar da Bíblia, jamais vai dar mole para a carne.

Quem pula no Espírito aprende a amar, não com o amor de quem pula na carne, mas com o amor de Jesus. Quem pula no Espírito, experimenta a alegria, não a alegria curta de quem pula na carne, mas a alegria de Jesus!

Duas opções estão diante de você: pular para a morte ou pular para a vida. Faça opção de pular para a vida e viva a vida que Jesus, a vida, quer que que você viva, uma vida de paz com Deus, com os outros e com você!

Por Genilson Soares da Silva

Confira também

Sem comentários