O que é Sucesso no Ministério? Quais São as Coisas Mais Importantes que um Jovem Pastor Deve Fazer?

O que é Sucesso no Ministério? Como se Pode Medi-lo?

Essa é uma questão difícil de responder, porque há uma colisão de princípios em jogo.  

1. Mensurando o sobrenatural? Fertilidade sobrenatural nem sempre pode ser mensurada.

2. Sucesso é igual a fidelidade. Um dos nossos critérios mais importantes para medir o sucesso deveria ser avaliar se um homem está ou não pregando fielmente a Palavra e vivendo uma vida de conformidade com a Palavra.

3. Mais do que freqüência no culto. O número de pessoas freqüentando uma igreja não é o único fator a ser considerado, mas o quanto os membros estão crescendo em santidade, quantos líderes estão sendo levantados, quantos membros estão partindo para o campo missionário, e assim por diante. Tais fatores são muito mais ricos e mais complexos, e são geralmente melhores indicadores da fidelidade e do sucesso no ministério de um homem.

4. Sucesso nem sempre é visível. Um ministério fiel e bem sucedido pode não apresentar fruto óbvio e imediato. Adoniram Judson não viu um único convertido por sete anos. Mais do que isso, respostas iniciais podem se revelar imensamente enganosas ao longo do tempo (Mt 13.1-23). E quanto “fruto” o profeta Jeremias pôde ver?

5. Porém, frutos visíveis deveriam ser considerados. Deus concede dons diferentes a pessoas diferentes. É inteiramente possível que um homem trabalhe fielmente em algo para o que ele não possui dons. Em um caso tal, haverá pouco fruto visível, o que deveria ser considerado ao se avaliar os seus planos e sustento no longo prazo. Nem todos os cristãos deveriam pedir à igreja que separe uma porção de sua renda para sustentá-los no ministério em tempo integral. Frutos visíveis são uma parte dessa consideração.

6. Qual é o ponto principal? Sucesso no ministério significa antes de tudo fidelidade, mas esforçar-se por avaliar humilde e cautelosamente o fruto do ministério de um homem deveria ser uma parte importante de medir o sucesso no ministério.

Quais São as Coisas Mais Importantes que um Jovem Pastor Deve Fazer?

Pregar a Palavra. A coisa mais importante que um jovem pastor deve fazer é pregar a Palavra de Deus. Tudo começa aqui. A Palavra de Deus é que converte os pecadores e santifica os santos (1Ts 1.5; Jo 17.17). A Palavra de Deus é o que traz saúde, crescimento e transformação piedosa (1Ts 2.13). Portanto, a pregação expositiva fiel da Palavra de Deus deve ser a maior prioridade de um jovem pastor.

Amar as pessoas. Um pastor deve amar o seu povo. Ele deve viver no meio das pessoas, cuidar das pessoas, servir as pessoas, encorajar as pessoas, suportar as pessoas, e dar a si mesmo pelas pessoas. É especialmente importante que um pastor ame o seu povo generosa e ternamente desde o início do seu ministério, de modo que as pessoas possam aprender a confiar nele. Sem essa confiança conquistada pelo amor, elas não estarão dispostas a seguir a sua liderança.

Escolher sabiamente as batalhas.Nem toda questão é digna de que travemos uma guerra por sua causa. Um jovem pastor deve trabalhar para desenvolver um senso claro do que é mais importante e só “bater o pé” quando realmente valer a pena.

Pensar no longo prazo. Não espere que todas as coisas mudem da noite para o dia. Planeje estabelecer-se e trabalhe por mudanças ao longo do tempo. Ensine e discipline o seu povo pacientemente. Comprometa-se pessoalmente a servi-lo no longo prazo e ore para que o Senhor traga frutos no Seu tempo apropriado.

Fonte: Voltemos ao Evangelho

Confira também

Sem comentários