É hora de avaliar, celebrar e planejar com seu pequeno grupo

Geralmente final e começo de ano os pequenos grupos costumam dar uma pausa para o tempo em família e festividades de final de ano. Mas é um importante momento para parar, refletir e voltar com todo gás para essa nova temporada. Que tal avaliar, celebrar e planejar com seu pequeno grupo.

Avaliar

Avaliar significa: compreender, apreciar, prezar, análise de parecer acerca do desenvolvimento. Avaliar é importante, pois: “Se você não gosta do que está colhendo, verifique as sementes que está plantando” John Maxwell (O Sucesso está em você).

O líder precisa ter coragem, humildade para fazer uma avaliação dos resultados de sua liderança e influência. Às vezes é necessário dar um passo atrás, e tomar impulso para seguir em frente.

No mundo administrativo, as grandes e pequenas organizações fazem uso da avaliação de desempenho, esta é uma importante ferramenta na gestão de pessoas, na busca pela excelência.

O foco na avaliação não deve ser nas pessoas, mas no resultado que o pequeno grupo tem alcançado. Fazendo uma avalição criteriosa, em que o seu pequeno grupo pode crescer? Quais áreas ficaram aquém do esperado? Quantos se comprometeram? O que faltou? Quais oportunidades foram desperdiçadas?

Celebrar

“Até aqui nos ajudou o Senhor!” (I Sam 7:12).

A gratidão pelo que realizamos é importante. Celebrar significa: Comemorar, festejar, louvar… Com certeza há motivos e razões para os líderes e membros do pequeno grupo celebrarem. A salvação de almas, a conservação e formação de discípulos, o exercício de algum ministério, o aumento da participação dos membros do pg na lição da Escola sabatina, etc. De acordo com a Fundadora e Vice-Presidente da Sociedade Brasileira de Coaching, Flora Victoria, “a celebração de êxitos é extremamente importante não apenas para nos trazer mais prazer, como também pelo reconhecimento público dos esforços empreendidos para conquista de algo. Precisamos de recompensas e reforço para continuarmos motivados e engajados com nosso trabalho”, afirma Flora.

Um dia estaremos celebrando, louvando, exaltando as grandezas de Deus na eternidade. Sem dúvida, existem razões para celebrar mesmo em meio a crises e tempos difíceis.

Dê oportunidade para cada um mencionar uma razão para agradecer e celebrar.

Planejar

É ideal nessa retomada fazer um planejamento estratégico. É importante que o líder do pequeno grupo planeje, junto com os membros, as ações para manter o grupo vivo e ativo. “Quem não olha para frente fica para trás.” Provérbio espanhol.

Responda as três principais questões que farão toda diferença na formação do planejamento:

  1. Onde estamos?

  2. Para onde queremos ir?

  3. Como chegar lá?

A avaliação sem dúvida vai ajudar a dar o direcionamento e auxiliará na resolução destas questões. Use a matriz de SWOT e monte um planejamento com sua equipe.

Maximize e valorize as forças e oportunidades, minimize as fraquezas e ameaças. Pegue o planejamento do campo com as datas e metas e adapte a realidade do seu pequeno grupo. Nós podemos fazer mais e melhor para Deus.

Prezado líder, aproveite para avaliar as ações positivas e negativas que ocorreram neste ano e tire lições positivas. Celebre as conquistas por menor que tenham sido; vale a pena louvar e agradecer. Planeje no próximo encontro com seu pequeno grupo ações de comunhão (vigílias,  estudo da Bíblia, campanhas de oração, etc.) ações de relacionamento (aniversários, almoços, passeios, serenatas, homenagens, etc.) ações de evangelismo (visitas, trabalhos comunitários, etc.) para cada semana, mês, trimestre, semestre, ano. “Igrejas que não tem um plano para formar líderes, planejam por omissão, perder a colheita.” Joel Comiskey.

Deus abençoe você, seu pequeno grupo e seus esforços em 2018.

Adaptado de Adventistas.org

Confira também

Sem comentários