Categoria : Institucional

Vigília na 1° IAP de Jales

Aconteceu no último sábado, dia 26, a vigília na primeira igreja. A vigília teve inicio às 21 horas e término de madrugada.  Jesus foi maravilhoso para conosco batizando uma alma no Espírito Santo.  “Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. Pois todo o que pede, recebe; o que busca, encontra; e àquele que bate, a porta será aberta.” Mateus 7:7-8 Por: Pr. Elias Alves Ferreira Fonte: Sou da Promessa ...

Leia mais →

Eu não merecia a cruz

“Dificilmente haverá alguém que morra por um justo; pelo homem bom talvez alguém tenha coragem de morrer. Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores.” Romanos 5:7-8 Inexplicável amor, assim pode-se definir o que levou Cristo a morrer na cruz em nosso lugar. Quando pensamos e dizemos para alguém que amamos, “eu morreria em seu lugar” de fato não é uma afirmação mentirosa. Muitos de nós não pensaríamos duas vezes antes de doar nossas vidas em favor de um filho, um irmão ou um amigo querido, mas o que dizer daquelas pessoas que nos fazem o mal? Acredito que nenhum de nós seria capaz de cogitar dar a vida em favor de um destes, pensaríamos assim, “não tenho nada com ele que me valha o sacrifício”. Como poderia então o Deus que... ...

Leia mais →

A Reforma Protestante ainda nos ajuda hoje?

Quem já observou um pedreiro assentar tijolos certamente o viu usar um prumo. Ainda que antiquíssima, esta ferramenta não fica devendo a equipamentos sofisticados: não precisa de pilha para funcionar; é fácil de manusear e revela com precisão o que está fora de prumo! Quando Deus o chamou, o profeta Amós viu que “o Senhor, com um prumo na mão, estava junto a um muro construído no rigor do prumo. E o Senhor me perguntou: ‘O que você está vendo, Amós?’ ‘Um prumo’, respondi. Então disse o Senhor: ‘Veja! Estou pondo um prumo no meio de Israel, o meu povo; não vou poupá-lo mais. Os altares idólatras de Isaque serão destruídos e os santuários de Israel ficarão em ruínas’” (Am 7.7ss.). Um prumo na mão de um pedreiro descreve com precisão como Deus agiu e continua agindo com o seu... ...

Leia mais →

De misericórdia em misericórdia

“A sua misericórdia estende-se aos que o temem, de geração em geração”. (Lc 1.50) A vida cristã é uma experiência de pura misericórdia. Misericórdia que podemos alargar a sua compreensão quase que exponencialmente. Não se trata apenas daquela bênção de Deus em lidar com os nossos pecados, com os sofrimentos que deles decorrem, de tratar com brandura a nossa rebeldia e derramar perdão sobre as nossas vidas. Misericórdia tem a ver com todos os recursos dados por Deus para fazermos a travessia desta vida em meio às muitas contradições, paradoxos e contingências de nossa experiência humana que escapam por completo de nosso controle. Gostaria de apresentar nesta pastoral pelo menos quatro grandes aspectos da presença da misericórdia em nossas vidas que podemos e devemos desfrutar e repousar confiantemente nela. 1. Ansiedade e medo do futuro. A misericórdia de Deus nos... ...

Leia mais →

3 práticas para enfrentar as muralhas

Jericó tinha uma localização privilegiada, tanto devido ao contato com o Oriente quanto pelo abundante acesso às águas. Arqueólogos escavaram as ruínas de Jericó e encontraram sinais de um muro que deveria ter 2,5 m de espessura e 9 m de altura e circundava toda a cidade. Era uma muralha e tanto! Este episódio nos faz refletir sobre três práticas que levaram à queda dos muros: A prática do ouvir O Senhor falou com Josué (6.2-4) dando-lhe claras instruções sobre o que fazer. Uma geração inteira havia morrido no deserto porque não ouviu os conselhos dados por Deus, tornando-se desobediente (Josué 5.6). Esta geração comandada por Josué era diferente. Eles tinham seus corações preparados e dispostos a ouvir, talvez porque foram treinados no deserto. Para que as muitas muralhas caiam em nossas vidas e ministérios temos que ter a mesma... ...

Leia mais →

Deus está por perto

“Vejam! O braço do Senhor não está tão curto que não possa salvar, e o seu ouvido tão surdo que não possa ouvir.”  Isaías 59:1 Desde a criação do ser humano até os dias atuais uma realidade permanece imutável, Deus sempre está por perto de Seu povo. Podemos começar a pensar desde o jardim do Éden onde Deus procurava estar na presença de Adão e Eva todos os dias, mantendo sempre, ou ao menos tentando manter um relacionamento íntimo com sua obra prima da criação. Quando vê Seu povo escravizado e espalhado tratou de erguer homens, abrir caminhos e derrubar muralhas para que o povo chamado de Seu pudesse estar reunido em Sua presença. Vemos isto claramente em todo o antigo testamento, as batalhas, os livramentos, os milagres, todos tinham como intuito manter o povo de Deus separado e perto... ...

Leia mais →

Dica de Aula: Estudo Bíblico Indutivo

Esse é um exercício que realmente dá frutos, pois envolve os alunos diretamente com o texto bíblico e ao mesmo tempo ensina-os como estudar a Bíblia por si mesmos. O professor primeiro precisa explicar os três passos essenciais num estudo bíblico  indutivo (por “indutivo” entendemos “de primeira mão”, fazendo descobertas diretamente do texto): observação, interpretação, aplicação. Os alunos devem preparar um gráfico numa folha de sulfite, dividida em três partes conforme esses passos:  Clique para aumentar a imagem:    O professor divide a turma em pequenos grupos de estudo, e dá um versículo ou um pequeno parágrafo para cada grupo. Pede que eles analisem o texto, primeiro fazendo  tantas observações quanto possível do texto, depois levantando ou tentando responder a algumas perguntas interpretativas, e finalmente procurando aplicações práticas do texto. Depois de um determinado tempo (procure dar tempo suficiente para... ...

Leia mais →

Reter da matéria? O que é isso?

Lei da Retenção. Esta lei concentra-se na arte e ciência de passar ao aluno o máximo de informação no mínimo de tempo, com o mínimo de esforço (do aluno) e com o máximo de retenção. A lei focaliza diretamente duas questões primordiais do relacionamento ensino-aprendizagem. 1- Eficácia – O professor está ensinando o conteúdo correto? 2- Eficiência – O professor está ensinando da maneira correta?   Dt. 6. 4-9 Você deseja ser um grande professor? Então ame a Deus de todo o seu coração. O conteúdo não devem estar só em suas anotações, mas também no seu coração. De acordo com as escrituras um bom ensino possuem dois alicerces: amar a Deus e conhecer o conteúdo.   Quatro maneiras de aplicar esses dois alicerces. – Ensine: “Tu as inculcarás a teus filhos”. Ensino convencional. O ensinar é norteado pelo professor.... ...

Leia mais →

A Lei Da Aplicação

A mentalidade da Aplicação -A mentalidade é uma postura ou opinião preponderante. – O professor cristão deve não apenas dar o conteúdo, mas, sim aplicá-lo na prática. A aplicação está relacionada com sabedoria, transformação e maturidade. 2 Tm. 3. 16, 17. Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça;  para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente preparado para toda boa obra. A palavra de Deus foi dada com dois propósitos. Para que o cristão seja perfeito; Para que ele se torne habilitado. As palavras perfeito e habilitado tem a ver com “saber”, ou com “ser e fazer”. A preocupação de Deus não é só com o conteúdo mas sim com a aplicação dele na nossa vida.   Modelo da aplicação Recebemos de Deus o encargo de pegar a... ...

Leia mais →