Categoria : Homens

Porto seguro no oceano das tragédias

“Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito. ” (Rm 8.28-  NVI) Vivemos dias agitados devido às muitas tragédias. Todos os dias, ouvimos notícias ruins. Sem falar que tragédias podem, infelizmente, chegar à nossa casa. Nesses momentos uma das perguntas mais ouvida é: onde está Deus? Para superarmos estes tristes cenários podemos encontrar forças em Romanos 8.28 que aparece como um porto seguro no oceano das tragédias. Muitas verdades podem ser extraidas deste texto, mas queremos destacar cinco. Ele começa com um – “Sabemos…”. Isto é fé! Nem tudo a gente sabe. E o que não sabemos pode ser por dois motivos. Primeiro, porque Deus é soberano em tudo e há coisas que Ele não revela – Dt 29.29. Segundo, porque não prestamos... ...

Leia mais →

A voz que muda nossa história

Precisamos estar atentos, pois Deus chama nossa atenção de muitas maneiras “Disse-lhe Jesus: Porque me viste, Tomé, creste; bem-aventurados os que não viram e creram.” (João 20.29) Grande parte das pessoas tem investido muito mais tempo em falar, em expor a sua opinião, em IMPÔR a sua opinião, muito mais do que em ouvir! Tornamo-nos uma sociedade de maus ouvintes. Ouvimos tão mal que falamos bobagem porque não prestamos atenção direito no que foi dito e já disparamos a nossa metralhadora em forma de língua! Ouvir é importante, pois é isso que muda nossa vida! Tomé estava preocupado em ver, em tocar, mas não era isso o mais importante. Jesus deixa claro que quando ouvimos a sua voz, quando atentamos para sua Palavra é que começamos a trilhar o caminho mais excelente! Ouvir a voz dele faz diferença! Dizem alguns... ...

Leia mais →

Cave mais fundo

Provérbios 3:23 e 24: “Feliz o homem que acha sabedoria, e o homem que adquire conhecimento; porque melhor é o lucro que ela dá do que o da prata, e melhor a sua renda do que o ouro mais fino”. Salomão era versado em muitas áreas do conhecimento. Arguto observador, até mesmo fatos corriqueiros eram objeto de suas profundas reflexões. Tirou lições das formigas, das aves e, acima de tudo, do comportamento humano. Exaltou a pessoa prudente e sábia, mas condenou o rico ou poderoso que não se domina. Ele cavou fundo para encontrar a sabedoria. Mesmo assim, numa fase sombria de sua vida, praticou o que mais tarde viria a condenar veementemente: a estultícia. Ele escreveu: “As primeiras palavras da boca do tolo são estultícia, e as últimas, loucura perversa” (Ec 10:13). Deus deseja que Seus filhos cavem fundo... ...

Leia mais →

Sete desafios das mídias sociais para os cristãos

1) Domínio próprio, para não desperdiçar tempo demais com as mídias sociais; 2) Uma mente pura, para não se deleitar e nem compartilhar notícias, vídeos, postagens, e fotos que promovem a impureza; 3) Sensatez, para não dar crédito a tudo que lê e vê – há muita desinformação e notícias falsas propositadamente plantados nestas redes de relacionamentos; 4) Sobriedade, para não desnudar sua vida e de sua família em público, trazendo online para dentro de sua casa e de sua intimidade pessoas que você não conhece; 5) Paciência para lidar com comentários, opiniões e criticas de pessoas que não têm educação, bom senso, mancômetro ou qualquer condição de manter um diálogo ou participar de um debate de forma inteligente e cortês. 6) Sabedoria, para não se precipitar em responder e reagir à provocações. Não há fim pacífico para brigas compradas... ...

Leia mais →

Jacó, a personificação da ovelha negra da família

Parece engraçado, ou melhor, tragicômico, que boa parte das famílias narra a presença de um membro dissonante no seio familiar que é identificado popularmente com o estigma de “ovelha negra”. Esse “ramo torto” ou “problemático” na família não é algo novo no panorama das famílias no mundo. Vemos na Bíblia, na família dos patriarcas, que Jacó é identificado como “o enganador” (ou mentiroso), mas se realizarmos uma leitura mais minuciosa dos textos sagrados vamos verificar que a mentira e o engano estão presentes nesta família desde Abraão, seu avô! A mentira era algo que Deus vinha tratando na família de Abraão desde seu chamamento. Já no capítulo 12 de Gênesis vemos um Abraão que, por medo, cria uma “meia-verdade” (Gênesis 12:12-13) e mais tarde repete o mesmo equívoco com a mesma motivação (Gênesis 20:1-18). Seu filho Isaque utiliza exatamente do... ...

Leia mais →

Olhe além

Por Genilson Soares da Silva E aí, já tomou a sua cruz hoje? A questão não é se você tomou a sua cruz ontem. A questão é se você tomou a sua cruz hoje. Se você, por alguma razão, não se lembrou de pegá-la hoje, é melhor você fazer isso agora mesmo, sabia? Porque sem cruz, você corre um sério risco de vida. Olhe bem: não é risco de morte. É risco de vida mesmo. Risco de vida é risco de viver de novo a vida velha. E na real: você vivo de novo para a vida velha não vai prestar. Aliás, pode prestar para um monte de coisa, menos para seguir em frente com Jesus, porque isso é coisa apenas para gente morta. Coisa de louco? Não! Coisa de Jesus mesmo, “que dizia a todos: ‘Se alguém quiser acompanhar-me,... ...

Leia mais →

O clamor do aflito

“Estou aflitíssimo; vivifica-me, Senhor, segundo a tua palavra” (Sl 119.107). A aflição é inevitável. Chega para todos, sem exceção. A vida não se desenrola num parque de diversões. Aqui navegamos por mares revoltos e atravessamos desertos inóspitos. Pessoas e circunstâncias tiram nossa alegria. Preocupações e ansiedade roubam nossas forças. Pecados e transgressões estrangulam a nossa paz. Enfermidades e limitações financeiras roubam nosso sono. Muitas são as causas de nossas aflições. Variadas são as consequências delas. O texto em apreço apresenta-nos quatro lições oportunas: Uma confissão. “Estou aflitíssimo…”. O Salmista coloca sua aflição em grau superlativo. Sua aflição chegou ao nível máximo. Essa aflição vaza por todos os seus poros. Sua mente é açoitada pelo chicote dessa dor indescritível. Seu corpo é surrado pelos efeitos dessa angústia. Sua alma é atormentada, sem pausa, por essa tristeza que o encurrala por todos... ...

Leia mais →

A oração que precisa ser feita

A oração que precisa ser feita: “Restaura-nos, ó Senhor!”  A singela súplica “Restaura-nos!” aparece três vezes no Salmo 80. Essa é a tradução mais comum. Mas há outras: “Faça-nos voltar!”, “Converte-nos!”, “Faze que prosperemos de novo!”. Algo curioso e significativo é que o autor do Salmo vai acrescentando palavras ao nome de Deus a cada súplica. Na primeira vez: “Restaura-nos, ó Deus!” (verso 3). Na segunda vez: “Restaura-nos, ó Deus dos Exércitos!” (verso 7). E na terceira vez: “Restaura-nos, ‘ó Senhor, Deus dos Exércitos’” (verso 19). Sua intenção seria reforçar a oração? Afinal, quando oramos: “Restaura-nos, ó Deus!”, o que estamos pedindo? Nada mais, nada menos, estamos pedindo que o Senhor, em sua soberania e misericórdia, conceda-nos a graça de recolher os cacos do nosso vaso quebrado e o refaça, dando-lhe a forma e a beleza anteriores. Isso nos faz... ...

Leia mais →

Deus vai te responder na sua crise

Sua crise está chegando. Se ela ainda não chegou ou se você não está no meio de uma nesse momento, sua hora vai chegar. E não apenas uma crise. Em sua misericórdia severa, Deus pontua nossas vidas nessa era caída com momentos de crises com graus variáveis, destinados para o nosso bem eterno. Durante milênios, o povo de Deus tem conhecido “momentos de crise” e “dias de angústia”, às vezes demasiadamente. E o mesmo continua atualmente. Nosso Pai nunca prometeu que o fato dos nossos problemas serem dele significaria que não teríamos os nossos. De novo e de novo, as Escrituras descrevem os fiéis não como aqueles que nunca tiveram problema, mas como aqueles que clamaram a Deus em suas crises. Os homens e mulheres que lembramos como modelos enfrentaram os maiores momentos de crise e dias de angústia. E... ...

Leia mais →

Descanso como ingrediente do sucesso

Se você trabalha desenfreadamente, é hora de diminuir o ritmo e priorizar sua qualidade de vida. Saiba mais! Você dedica tempo de qualidade para repousar? Qual foi a última vez que deixou os afazeres laborais de lado para passar agradáveis momentos na companhia de quem ama ou fazendo o que gosta? Há quanto tempo não diminuiu o ritmo para ler a Palavra de Deus, orar, ir à igreja e aprofundar a sua comunhão com o Pai? Se você deseja manter sua saúde física, mental e espiritual em dia, dê importância ao descanso! Sobretudo nos dias atuais, em que exige-se muito do trabalhador e a sociedade aparenta estar cada vez mais apressada, é possível que entremos em uma dinâmica desumana de trabalho intensivo que compromete os dias de lazer e as horas tão necessárias para a restauração de nossa força e... ...

Leia mais →