Categoria : Artigo

A melhor resposta ao ódio é o amor

  Por Antonio Lazarini Neto Jesus viveu num tempo em que eram erguidas muitas “paredes” que separavam o povo. Não se tratava de paredes de pedra e barro, mas paredes que se erguiam na mente, no coração, na alma do povo. Tais paredes transformavam-se em verdadeiras muralhas de pensamento que, por fim, se tornavam geradores de palavras, atitudes e ações que fraturavam o relacionamento entre os indivíduos. Bons israelitas eram aqueles supostamente entendidos da Lei, como os escribas e fariseus, enquanto que os que não conheciam a Lei e os renegados publicanos, por exemplo, eram considerados maus israelitas. Foi em meio a esse ambiente hostil, de mente intensamente estreita, de práticas profundamente exclusivistas e de gente intolerante, que Jesus levou a bom termo o seu ministério. Numa atmosfera assim, a orientação de amar os inimigos certamente assombrava seus ouvintes e... ...

Leia mais →

Permanência no Senhor

  Por Danúbia Guarnieri   “Eu sou a videira, vós os ramos; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer. (João 15:5)   1. O que significa permanecer no Senhor? “Todo ramo que, estando em mim, não der fruto, ele o corta; e todo o que dá fruto limpa, para que produza mais fruto ainda”. Jo 15.2 Permanecer no Senhor significa dar frutos, e bons frutos, que são representados pelas nossas ações e palavras. Alguns questionamentos devem ser levantados, tais como: – minhas atitudes são de acordo com os padrões de Deus? – no meu trabalho, na escola, as pessoas percebem a diferença que Jesus faz na minha vida? – quando passo que perfume exalo? – na minha casa, entre a minha família, que tipo de palavras uso? Como trato meus... ...

Leia mais →

Americano cria HQ com super-herói gospel

  Um incêndio foge do controle dos bombeiros na fictícia cidade de Graceville. Uma voz é ouvida saindo de dentro do prédio em chamas: “Senhor, me ajude por favor, Deus!” O grito é de Bella Hope, uma órfã que deseja tornar-se uma grande missionária se conseguir sair dessa. Suas chances de sobrevivência parecem pequenas, pois as chamas vigorosas fazem os bombeiros recuar. Eis que, surgindo do nada, aparece a resposta daquela oração. Um super-herói usando capa vermelha, com uma cruz estampada no peito entra no prédio, segura Bella nos braços e a leva até um lugar seguro, enquanto o prédio desaba em chamas. Assim começa a saga do Capitão Salvação, estrela de uma nova série de HQ cristã criada por Curt Hawn, 48 anos, um pastor de jovens que mora na Carolina do Norte. Ele diz que descobriu cedo que... ...

Leia mais →

Atitudes que Motivam

  Depois de saudar os cristãos romanos (Rm 1:1-7) e apresentar suas credenciais apostólicas, Paulo expressa sua intensa preocupação e seu nobre desejo de vê-los (Rm 1:8-15). Por trás da fala do apóstolo, se escondem atitudes nobres. Estas palavras dele, à igreja romana, estão recheadas de ações. Não são meras palavras. É o testemunho de uma vida de dedicação a Deus. Atitudes de um verdadeiro cristão. Atitudes que motivam! Mas, que atitudes são essas? 1. UMA MOSTRA DE GRATIDÃO QUE MOTIVA. Geralmente, ao iniciar suas cartas, Paulo começa agradecendo a Deus pela vida dos seus leitores. Aqui em Romanos não foi diferente: Em primeiro lugar, dou graças ao meu Deus… por todos vós (v. 8). O apóstolo Paulo era um homem que vivia sempre de bem com o Senhor. Mesmo diante das afrontas e dos dissabores da vida, ele dava... ...

Leia mais →

Acima do desespero

  “O SENHOR Deus é a minha fortaleza, e faz os meus pés como os da corça, e me faz andar altaneiramente”. (Hc 3.19) Revolta e frustração são inimigas da esperança. Juntas, quase levaram o profeta Habacuque ao desespero, a ponto de ele dizer: Até quando, SENHOR, clamarei eu, e tu não me escutarás? Gritar-te-ei: Violência! E não salvarás? Por que me mostras a iniqüidade e me fazes ver a opressão? Pois a destruição e a violência estão diante de mim; há contendas, e o litígio se suscita (Hc 1.2-3). Esses sentimentos são comuns a todos que esperam grandes coisas e recebem, como Habacuque, violência e opressão. Mas o profeta não permaneceu desolado, porque percebeu que o que lhe faltava era, na verdade, perecível, e, numa hora ou noutra, poderia faltar mesmo. Foi por isso que ele compôs a canção... ...

Leia mais →

E agora quem poderá me ajudar?

“Levanto os meus olhos para os montes e pergunto: De onde me vem o socorro?   O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra.” (Sl 121:1-2) Queridos, nesses versículos do capítulo vinte um, o salmista nos faz lembrar de um famoso personagem que até hoje é um sucesso na televisão brasileira e mundial. Trata-se do famoso Chapolim Colorado. Quem não conhece esse personagem mexicano que fez sucesso na década de 80 e ainda nos faz rir de montão?! Qual é a comparação que quero trazer aos amados leitores nessa reflexão? Se trata do maior de todos os heróis que já existiu, existe ou que há de vir. Quem é ele? Quem é esse herói que pode nos ajudar em qualquer situação? O que faz dele o melhor de todos? Quando você se encontra numa situação... ...

Leia mais →

É hora de deixar de lado toda ansiedade

Por Eli Fernandes de Oliveira É hora de deixar de lado toda ansiedade e colocarmos em Deus toda nossa esperança. É possível esquecer o Deus em quem outrora confiamos, debaixo de cuja misericórdia temos vivido? É possível perder a visão da proximidade Divina? Ao longo do ano transcorrido, que lugar Deus teve em nossa vida? E a resposta não pode representar um certo movimento de auto-defesa, tipo: “Isso não acontece comigo”, “não me diz respeito”. Essas palavras foram dirigidas aos deportados para a Babilônia por volta de 580 a.C. Haviam perdido a confiança em Deus, crendo que Ele os havia abandonado. Por isso perderam a esperança. Desconheciam a Palavra de Deus, cuja verdade constitutiva de seu conteúdo a põe acima do tempo e do espaço. É possível esquecer o Deus em quem outrora confiamos, debaixo de cuja misericórdia temos vivido?... ...

Leia mais →

Não quero invejar nem os de dentro nem os de fora!

A partir de hoje, com a ajuda de Deus, vou enfrentar a inveja. Não vou mais mentir dizendo para mim que não sou invejoso. Confessarei o pecado da inveja e me porei contra ela, suficientemente convencido de que é uma doença capaz de me destruir e tão grave “como câncer” (Pv 14.30, NTLH). A inveja não é algo de pequena monta. Ela está sempre ao lado de outras coisas terríveis (as tais obras da carne de que fala Gálatas 5.19-21). A inveja não é passiva; não cruza os braços; não fica parada em momento algum. Ela é ativa, dinâmica e incontrolável. Se não for barrada na nascente, leva o invejoso automaticamente ao crime. Não foi a inveja de Caim que provocou o primeiro assassinato da história (Gn 4.8)? O livro de Gênesis conta que “Isaque tinha tantas ovelhas e cabras,... ...

Leia mais →

Sexo só depois do casamento?!

  Estudo comprova que casais que só fazem sexo depois do casamento tem relacionamento e vida sexual mais feliz Casais que esperam para ter relações sexuais depois do casamento acabam tendo relacionamentos mais estáveis e felizes, além de uma vida sexual mais satisfatória, segundo um estudo publicado pela revista científica Journal of Family Psychology, da Associação Americana de Psicologia. Pessoas que praticaram abstinência até a noite do casamento deram notas 22% mais altas para a estabilidade de seu relacionamento do que os demais. As notas para a satisfação com o relacionamento também foram 20% mais altas entre os casais que esperaram, assim com as questões sobre qualidade da vida sexual (15% mais altas) e comunicação entre os cônjuges (12% maiores). Para os casais que ficaram no meio do caminho – tiveram relações sexuais após mais tempo de relacionamento, mas antes... ...

Leia mais →

Dize ao povo que marche!

  ÊXODO 14.1-31   Disse o Senhor a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem. (Êx 14.15.)   Moisés conduzia o povo de Israel em sua gloriosa saída do Egito, onde este fora escravo por cento e cinqüenta anos. Estavam a caminho da terra prometida, Canaã. O Egito, que ficara para trás, estava arruinado. Os egípcios choravam pelos seus primogênitos, e, forçados pelas demonstrações do poder de Deus, tiveram de deixar Israel partir. Mas, assim que o povo deixou a terra de Gósen vazia, a fabricação de tijolos parou e a construção das cidades faraônicas paralisou. Faraó, então, saiu com seu exército ao encalço de Moisés A alegria do povo que marchava a marcha da liberdade foi interrompida bruscamente. Estavam acampados entre montanhas de ambos os lados, à frente o Mar Vermelho e atrás... ...

Leia mais →