Categoria : Artigo

Que tipo de pessoa estou me tornando?

Somos capazes de nos orgulhar de coisas em nós que são essencialmente vergonhosas. Estou lendo a autobiografia de Andre Agassi. Para aqueles que não acompanham as competições de tênis, talvez tal nome não diga nada. Porém, os fãs desse esporte sabem que Agassi é considerado um dos cinco melhores tenistas da história. Um espetacular jogador, que, curiosamente, entrou nas quadras não por opção, mas pela intensa obsessão do seu pai. Quando o filho tinha cinco anos, ele já o forçava a bater na bolinha amarela com uma raquete. “Você tem que rebater diariamente 2.500 bolas, para sonhar ser um grande tenista”, dizia repetidamente. No penúltimo jogo da sua carreira, prestes a abandonar as quadras, Agassi descreveu uma interessante jornada por suas memórias. Mentalmente, viu dentro de si a criança que um dia foi, rebatendo bolinhas como louco, para alimentar um... ...

Leia mais →

Sobremesa fácil para o fim de semana: Petit gateau

  Ingredientes: · 120 g de chocolate ao leite ou meio amargo · 120 g de manteiga · 3 ovos · 1/4 de xícara (chá) de farinha · 1/2 xícara (chá) de açúcar · Sorvete de creme · Rum a gosto Modo de preparo: Derreta o chocolate e a manteiga em banho-maria. Reserve. Bata na batedeira os ovos, a farinha, o açúcar e o rum até a mistura ficar uniforme. Misture a calda de chocolate na massa. Deixe descansar por uma hora. Aqueça o forno. Unte seis forminhas com manteiga e polvilhe com açúcar. Despeje a massa e leve para assar por 15 minutos. Sirva quente com uma bola de sorvete de creme. Fonte: M de Mulher   ...

Leia mais →

Na contramão do mundo

  Por Diego Barros Colaborador do Portal Sou da Promessa Não amem o mundo nem o que nele há. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele.              (1 Jo 2:15) Andar na contramão significa estar em posição contrária ao convencionado. Nas leis de trânsito se você estiver transitando na contramão, pode acabar levando uma multa, perder pontos na carteira e ainda quem sabe na pior das hipóteses causar um acidente. Como nós podemos aplicar esse “andar na contramão” para a vida do cristão? Como será que podemos saber se estamos realmente vivendo na contramão do mundo? Vejamos três aspectos importantes sobre esse assunto ao qual estamos comentando: – Quando andamos na contramão do mundo, somos na maioria das vezes, rejeitados pela sociedade. Queridos e queridas, você considera pecado, em plena sexta feira após a faculdade sentar-se... ...

Leia mais →

A Oração de Enos

  “Enos marcou sua geração com o chamado para uma volta ao Deus Criador. Um retorno à santidade. À busca da Face do Deus Todo-Poderoso” “A Sete nasceu-lhe também um filho, ao qual pôs o nome de Enos; daí se começou a invocar o nome do Senhor.” (Gn 4.26) Do primeiro casal vieram todos os seres humanos (Gn 3.20), por isso, Eva recebera esse nome especial. A Bíblia nos conta a história do começo da humanidade e informa que Adão e Eva tiveram muitos filhos e muitas filhas (Gn 5.4), além de Caim e Abel (que foi morto por seu irmão, Caim). Abel era um homem de Deus, possuindo um coração contrito e quebrantado diante do Senhor. Ele era pastor de ovelhas e procurou entre todas a mais formosa, separando “das primícias” de seu rebanho, o melhor da gordura deste,... ...

Leia mais →

Até que o computador nos separe

  Quem poderia imaginar que um dia  estaríamos pensando sobre o computador como  fonte de crise  e discórdia dentro do casamento? Parece estranho, mas é verdade! Você sabia que no ano de 2009 nós,   internautas brasileiros,  passamos cerca de 23 horas e 47 minutos por mês, utilizando a internet? Para entendermos este fenômeno que tem afetado nossas relações  familiares,  precisamos considerar contextos históricos importantes. Observando a cultura judaico-cristã, detectamos que o núcleo familiar foi preservado ao longo do tempo como fonte de entretenimento, e  algumas questões implícitas neste modelo são pertinentes.  Reunir a família como forma de perpetuação da tradição oral, ou contar as histórias do povo hebreu, por exemplo, permitiu um comprometimento relevante com o núcleo familiar, percebido até os dias de hoje. É difícil conceber em nosso pós-moderno modo de enxergar a vida que, não existia televisão, rádio,... ...

Leia mais →

Alcançando o coração do Pai

  Ser um diácono é sim servir, mas em primeiro lugar, agradar o coração de Deus Tenho um filho de cinco anos chamado Nôam. Ele faz um esforço tremendo para chamar minha atenção. Não me deixa quieto em nenhum momento, a não ser quando ele está dormindo. Sinto que ele me ama muito. Ele sempre diz: “Pai, te amo!” Tudo que ele quer é a minha atenção, a minha presença. Nós temos um Pai que nos ama muito e espera que nós sejamos assim, filhos que sempre estejam buscando sua presença, chamando a sua atenção de alguma forma. Precisamos ter como objetivo alcançar o coração do Pai, o que significa ser um filho no qual o Pai tem muito prazer e muita alegria. Deus faz questão de nos tratar como filhos. Ele poderia simplesmente nos tratar como criatura ou apenas... ...

Leia mais →

Sugestões para arrecadar dinheiro para o Departamento Infantil

  Todas as aplicações das idéias abaixo devem ser aprovadas pelo Pastor ou Missionário responsável pela igreja. Carteirinha do colaborador Faça uma carteirinha para doadores, contendo divisões para cada mês do ano. Esta deverá ficar com o tesoureiro do Dijap. E deverá ser dado para o colaborador um envelope contendo o logotipo do Dijap e escrito “Colaborador Dijap 2011”, por exemplo. Neste envelope o colaborador deverá colocar uma oferta e devolver ao tesoureiro, e este marcará a contribuição do mês. No final do ano, os colaboradores deverão ser homenageados com uma lembrancinha.  Projeto “Um Real” Para o projeto você deverá confeccionar um cartaz bem criativo para a divulgação, contendo explicações básicas sobre qual será o uso do dinheiro e uma caixa bem bonita contendo uma abertura para serem depositadas moedas de um real. O projeto deverá ser lançado na igreja... ...

Leia mais →

Dize-me com quem andas

Não podemos ter uma vida espiritual sozinhos. A vida do Espírito é como uma semente que precisa de terreno fértil para crescer. Este terreno fértil inclui não só uma boa disposição interior, mas também um ambiente favorável. É muito difícil viver uma vida de oração num ambiente onde ninguém ora ou fala com carinho da oração. É quase impossível aprofundar a nossa comunhão com Deus quando aqueles com quem vivemos e trabalhamos rejeitam ou até ridicularizam a idéia de que há um Deus que ama. É uma tarefa sobre-humana procurar fixar o coração no Reino de Deus quando todos aqueles que conhecemos e com quem convivemos têm o coração fixo em tudo, menos no Reino de Deus. Não é, portanto, surpresa nenhuma que as pessoas que vivem em ambiente secular – onde o nome de Deus nunca é mencionado, a... ...

Leia mais →

Solidão e solidariedade

  O pastorado é chamado para uma caminhada, muitas vezes, solitária. Um querido pastor e mestre, recentemente falecido, dizia que pastorado é o chamado para uma caminhada, muitas vezes, solitária. Não se trata de uma declaração nova e nem surpreendente, mas, vindo de uma pessoa muito experimentada e que sempre conviveu na realidade das igrejas, expressa a realidade. Também tenho experimentado isso por diversas ocasiões, em muitos anos de andanças servindo ao Reino de Deus como missionário e pastor. Solidão é o caminho que nos isola. É trilha inversa ao que chamamos de solitude, que é a decisão intencional de estar a sós para orar, refletir, meditar – trata-se de uma disciplina espiritual, inclusive recomendada na construção de uma espiritualidade cristã. Disciplina esta, porém, que nos chama, depois de experimentada, à experiência comunitária, à integração e à doação mútua, diferentemente... ...

Leia mais →

Combatendo o evangelho egocêntrico

  Quando uma pessoa se utiliza do evangelho esperando alcançar somente bênçãos para si, está caminhando na contramão das palavras de Jesus   Na carta aos romanos, está escrito: “E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus” (Romanos 12.2). Em outras palavras, o apóstolo Paulo estava querendo dizer: “Não sigam as regras deste mundo, não ajam de acordo com os ditames desta sociedade corrupta, sejam agentes modificadores dela. Sejam influenciadores e não influenciados!” Há algum tempo ouvi uma história. Talvez uma daquelas histórias que nos fazem refletir sobre nossas atitudes. Vou compartilhá-la com você. Todas as noites, uma criança orava fazendo a Deus o seguinte pedido: “Deus, desejo que você transforme o mundo”. Os olhos do pequeno menino não aguentavam... ...

Leia mais →