Categoria : Artigo

E foram felizes para sempre

Quem nunca ouviu a expressão: “foram felizes para sempre”, ao final de um conto infantojuvenil? Ela traduz o desejo de todo ser humano de ser feliz em todo tempo. Quem nunca sonhou em não ter problemas, como enfermidades, perdas, angústias, separações e injustiças? Quem não se comove, diante da situação de milhares de crianças do Haiti que ficaram órfãs, após o terremoto que assolou o país? Ou diante da falta de comida, na Malásia, onde, diariamente, morrem muitas pessoas, em consequência da fome? Basta olharmos o mundo e veremos a miséria. Jesus, ao caminhar pelas ruas da Palestina, se comoveu: Vendo Ele as multidões, se compadeceu delas porque estavam aflitas e desamparadas como ovelhas sem pastor (Mt 9:36). Diante das aflições humanas, ele fez uma promessa a todo aquele que crer: Não se perturbe o vosso coração; credes em Deus,... ...

Leia mais →

Aceite a disciplina

“Filho Meu, não rejeites a disciplina do Senhor, nem te enfades da Sua repreensão” (Provérbios 3:11). Todos os dias, em cada esquina, a vida nos apresenta surpresas. Algumas agradáveis, outras tristes. Damos as boas-vindas às primeiras. Rejeitamos as segundas. Afinal de contas, o ser humano não foi criado para sofrer. Foge de tudo que lhe provoca dor. A dor é um elemento estranho no Universo perfeito de Deus. Morte, tristeza e lágrimas não existiam quando o mundo saiu das mãos do Criador. Espinhos e sofrimento apareceram no cenário edênico como consequência do pecado. Hoje, a dor e o sofrimento são realidades da vida. Chegam em forma de adversidades, conflitos, problemas e uma variedade de experiências traumáticas. O que fazer com elas? O que Deus faz para livrar do pecado Seus filhos? Erradicá-lo num instante, não poderia. O pecado, como qualquer... ...

Leia mais →

Todo mundo tem um mas…

Abraão era um homem de fé, mas… mentiu Moisés era manso, bom líder, mas… matou um homem e desobedeceu a Deus Gideão era um guerreiro, mas… teve medo E assim vai, na história da bíblia e na dos grandes homens da história vemos homens e mulheres fantásticos, com qualidades incríveis, mas… que em algum momento falharam, tiveram suas debilidades expostas, mostraram sua humanidade e por isso eles deixam de servir? De fazerem a diferença? De serem usados por Deus?… definitivamente não! Aquela mulher que foi pega em adultério, lembra? Depois que as pedras caíram das mãos dos seus acusadores, Jesus olha pra ela e diz, vai e não peques mais! Ele não disse fica aqui, se esconda, se tranca no quarto, deixa de trabalhar, deixe de congregar porque você era uma mulher de família, mas… Talvez você seja uma pessoa... ...

Leia mais →

Quando estamos de barriga cheia

Se estes dias fossem narrados pelas comidas que comemos ficaríamos assustados. É muito. É demais. Carnes, saladas, massas, doces, frutas, castanhas, bebidas, bolos, tortas, pavês, mousses, sorvetes, quitutes sem fim, de tudo se quer comer um pouco, ou muito! Enfim, o cardápio é extenso, farto, tentador e faz com que 99% decida deixar a dieta para depois das festas. Bem depois… Resultado? O mais fácil de se perceber é a barriga cheia. Esqueça a educada frase “estou satisfeito”, ela não combina com a assustadora quantidade. A frase que se encaixa é a bruta “tô cheio!”. A barriga cheia você sabe, provoca azia, preguiça e muita sonolência. Além, é claro, dos riscos evidentes para uma boa saúde. Seria como se a música dos Titãs tivesse a seguinte letra: “A gente não quer só comida, a gente quer comida, muuuuita comida, mais... ...

Leia mais →

Pais de filhos adolescentes, ouçam a instrução do Senhor!

Criar filhos adolescentes tornou-se um desafio quase impossível para muitas famílias cristãs. A sensação de impotência quanto à formação da pessoa dentro dos moldes cristãos nessa fase da vida, invariavelmente, vem acompanhada daquelas dúvidas que persistem em atormentar a consciência dos pais: a educação que oferecemos produziu pessoas responsáveis e bem-sucedidas? O modo como criamos interfere em algum nível na conversão dos filhos? E quando os filhos criados em lares evangélicos se perdem obstinadamente numa vida de pecados? De quem é a culpa? A salvação pertence ao Senhor (Jn 2.9) Jonas 2.9 nos ensina que a salvação pertence ao Senhor. Sim, a salvação não é determinada nem depende de obras, nem da dignidade, nem da vontade humana. Ela é operada exclusivamente por Deus! Algumas pessoas tendem a achar que essa afirmação suprime a responsabilidade ou o amor dos pais na... ...

Leia mais →

Você é tóxico?

A gente já leu sobre tóxicos na natureza, na saúde, já discutimos muito sobre relacionamentos tóxicos e sobre o uso deste para bombas e armas químicas. O fato é que esta palavra foi escolhida como a “Palavra do Ano 2018” pelo respeitável e renomado dicionário Oxford, da língua inglesa. Pois é, ele que já escolheu “selfie, fofo, e 😂” agora definiu esta palavra que em inglês tem o sentido de envenenamento, veneno, algo que contamina mesmo. Como jornalista e escritora eu confesso que sempre fico esperando qual será a palavra do ano, pois não deixa de ser uma percepção de vários especialistas sobre como foi o ano que passou. Caramba, e que ano tóxico! 2018 acenou com crises humanitárias ao redor do globo ao mesmo tempo que viu sistemas e governos flertarem com o facismo na maior cara lavada provocando... ...

Leia mais →

Lembretes para o cotidiano

“Ergam os olhos e olhem para as alturas. Quem criou tudo isso? Aquele que põe em marcha cada estrela do seu exército celestial, e a todas chama pelo nome. Tão grande é o seu poder e tão imensa a sua força, que nenhuma delas deixa de comparecer!”(Is 40.25-26) Deus nos convoca para algo que, com freqüência, cai no esquecimento: “Ergam os olhos e olhem”. O que temos visto? Dependendo de onde moramos, podemos dizer que só vemos poluição, trânsito congestionado, violência e injustiça. Olhar como resposta a um convite divino pode nos dar perspectivas mais sensíveis e se desdobrar em relações e posturas diferenciadas. Mesmo quando ao redor há destruição, prova de nosso descuido, conseqüência de nosso egoísmo, podemos melhor nos conscientizar sobre as mortes que o pecado gera. Podemos nos voltar a Deus humildemente, saboreando sua graça, a redenção... ...

Leia mais →

Investindo no Tesouro Correto

De acordo com especialistas econômicos, nosso país, nesta última década, vem passando pela maior recessão econômica da história. Todos nós sabemos que, em tempos de crise financeira, o certo é economizar, diminuir gastos e, na medida do possível, fazer render o que já se tem. Um bom investimento financeiro é aquele que tem boa rentabilidade aliada à alta segurança, ou seja, a garantia de que você não terá nenhuma “surpresa” na hora de resgatar seu dinheiro. Um ótimo exemplo é o Tesouro Direto. O Tesouro Direto é o programa de venda de títulos públicos a pessoas físicas desenvolvido pelo Tesouro Nacional. Oferece rentabilidade, segurança e comodidade, com a possibilidade de investimentos de baixos valores para quem está começando. Ao investir no Tesouro Direto, você está optando pelo tipo de investimento de menor risco da economia, pois os títulos públicos são... ...

Leia mais →

As marcas de um crente maduro

“E certo estou, meus irmãos, sim, eu mesmo, a vosso respeito, de que estais possuídos de bondade, cheios de todo o conhecimento, aptos para vos admoestardes uns aos outros” (Rm 15.14). O apóstolo Paulo estava a caminho de Jerusalém quando escreveu sua carta aos Romanos. Nessa carta, o veterano apóstolo expõe a doutrina da salvação (1-11) e faz a correspondente aplicação da doutrina (12-16). No texto em tela, fala sobre três marcas de um crente maduro. Vejamos: Em primeiro lugar, um  crente maduro está possuído de bondade. A bondade é um atributo de Deus que ele compartilha com seu povo. Só Deus é essencialmente bom. Mas, aqueles que conhecem a Deus e são cheios do Espírito de Deus, são possuídos de bondade. Barnabé, o homem chamado de bom no Novo Testamento (At 11.24) fez de sua vida um investimento na... ...

Leia mais →

Como ler a Bíblia e fazer seu devocional em 2019

Talvez você deseje ser mais intencional na sua leitura bíblica em 2019. De fato, há espaço para isso. Uma pesquisa recente aponta que Brasil é o 2º país que mais gasta tempo nas redes sociais. Em média, gastamos mais de três horas por dia nas redes sociais[1]. Queremos deixar aqui algumas dicas que podem ajudá-lo a interagir com a palavra de Deus nesse ano de maneira sistemática e disciplinada. Tenha um plano de leitura bíblica Há aqueles que defendem que a vida cristã deve ser guiada somente pela espontaneidade, enquanto outros acreditam que tudo gira em torno da disciplina. Nós acreditamos que ambos fazem parte da nossa caminhada. Há dias em que o nosso coração está sedento por Deus e o deseja de maneira especial (espontaneidade). Mas é verdade que há dias em que parecemos incrédulos e nosso coração está... ...

Leia mais →