Amigos? Será?

Ouvi uma palavra abençoada que me despertou muito; não poderia deixar de compartilhar isso com vocês.

Jesus disse: “O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. Ninguém tem maior amor do que este, de dar alguém a sua vida pelos seus amigos. Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer.” (João 15:12-15)

Amizade, sem dúvida é uma palavra importante na vida da maioria dos jovens e adolescentes. Estamos numa fase na qual sentimos a necessidade de criar vínculos, estabelecer contato e é muito bom ter amigos de verdade, a bíblia confirma isso. Além das nossas amizades terrenas, por meio das palavras de Jesus, lemos que se fizermos o que Ele manda, seremos seus amigos; eis a questão: Você é amigo de Deus?

Você não é amigo de alguém que você nem conhece, não estabelece uma amizade sem tempo de conversar ou compartilhar momentos com a pessoa. Você procura agradar em tudo o seu melhor amigo, as vezes abre mão da sua vontade para não feri-lo. Você luta pela sua amizade, se envolve, defende o seu amigo e se doa por ele. Isso não é verdade?

Contudo, nos intitulamos amigos de Deus com canções: “Amigo sou de Deus”, “Espírito Santo meu amigo”, oramos fervorosamente e dizemos: “Deus! Tu é o meu BestFriendForever!” quanto na verdade isso não passa de simples palavras movidas por emoção. Enquanto o coordenador dos jovens da minha igreja pregava essa palavra, Deus me sacudiu.

Dizemos que somos amigos mas não gastamos tempo com Deus. Damos desculpas pela correria do dia a dia, no entanto sempre sobra tempo pra checar as coisas no orkut. Dizemos para o nosso amigo que queremos agradá-lo, mas não paramos pra ouvir o que Ele tem a dizer, não damos a Ele o nosso melhor, damos o resto: os 2 minutos antes de dormir.

Fica difícil desagradar os seus amigos terrenos, seu(sua) namorado(a) ou seus pais para agradar o amigo lá do céu. Pedimos seus favores, e sentimos como se Ele tivesse a obrigação de fazer o que queremos. Se Ele não faz, ficamos brabinhos (a maioria sabe que amizade é algo recíproco). Um amigo sente orgulho do outro porém, muitos não assumem a sua amizade com Deus para o mundo inteiro ouvir.

É tempo de parar e analisar qual é o nível da sua amizade com Deus? Ou ela não passa de um título, uma música ou oração? Deus me fez descer aos seus pés e implorar por perdão, Ele me fez olhar mais para nossa amizade e menos para os meus interesses, menos para as redes sociais e para as coisas que não fazem crescer a nossa intimidade.

Invista um tempo especial para essa amizade pois Ele nos amou e nos chamou de amigo. Ouça o que Ele tem a dizer todos os dias. Sonhe os sonhos dEle e seja por Ele influenciado! Nós somos a geração dos amigos de Deus, como Abraão que conhecia muito bem o seu amigo. Nossa amizade com Deus requer tempo, intimidade, renúncia, dedicação, amor e quebrantamento.

Insista nessa amizade! Vai valer a pena!

Fonte: Jesus de Havaianas

Confira também

Sem comentários